O filme é sobre um comerciante de artigos religiosos de Mumbai que não acredita em Deus. Após um terremoto destruir completamente a sua loja, a seguradora diz que não pode indenizá-lo por se tratar de um evento climático, indignado, ele resolve processar Deus.

A narrativa é extremamente envolvente. É uma crítica ao comércio religioso desenfreado. O processo que o comerciante Kanji move contra Deus, diverte o tempo todo. Para as pessoas não habituadas com filmes indianos, o início pode parecer estranho. Passado alguns minutos de filme, a narrativa vai ganhando contorno filosóficos interessantes e gerando uma grande reflexão.

Se você já assistiu PK – O Filme, vai gostar muito de Oh My God. Ambos seguem a mesma linha filosófica e as tramas caminham para finais inspiradores.

Oh My God foi lançado em 2012 e é um remake do filme australiano de 2001 “The Man Who Sued God” (O Homem que processou Deus – No Brasil: Castigo Divino). A sequência do filme foi adiada por conta da pandemia, mas as gravações devem iniciar em Setembro de 2021. Oh My God 2 promete trazer ainda mais reflexão com humor.

O filme recebeu o prêmio de Melhor Filme Hindi pelo Instituto de Pesquisa e Documentação em Ciências Sociais (IRDS) durante o segundo IRDS Hindi Film Awards por preocupação social. O filme ganhou o prêmio de Melhor Roteiro Adaptado no 60º Prêmio Nacional de Cinema.

Onde assistir: https://www.netflix.com/title/70258366

Deixe um comentário

× Posso te ajudar?